Mother & son

Mother & son

Porque é que existe um dia da mãe? Pois bem... porque elas são de facto o pilar! a grua, as paredes, o telhado e o recheio desta complexa e controversa coisa a que chamamos de personalidade. Elas moldam-nos, esculpem-nos e dão o brilho à pessoa que fomos, que somos e que seremos. Elas dão-nos tudo, ainda que para isso tenham de abdicar de muito. Por isso... far-se-há muita justiça quando celebramos o seu dia... que são de facto todos.

Este trabalho pretende retratar isto mesmo. A cumplicidade que se constrói desde cedo entre mãe e filho, as suas relações e interacções. A capacidade mútua que ambos têm para fazer de simples, os grandes momentos. Assim... sem cores, a preto e branco. Porque o foco é acção, o olhar e o sorriso de ambos.

Obrigado D & L.